Taxas e Impostos na Compra da Casa Própria

compra da Casa Própria deve ser feita com muita atenção e o comprado deve ficar atento a todos os gastos envolvidos, inclusive, referentes a impostos e taxas administrativas. A principal taxa, de conhecimento geral, e a escritura do imóvel.

Num calculo simples, é importante que você tenha pelo meno 5% do valor do imóvel para desenrolar todos o trâmites de escrituras e taxas a serem pagas, segundo especialistas.

valorização aluguel

“O comprador deve reservar pelo menos 5% do valor de compra para cobrir estes gastos extras. Ou seja, se o imóvel for vendido pelo valor de R$ 200 mil, o comprador gastará cerca de R$ 10 mil para quitar todos os tributos cobrados”, observa Freitas da Empresa Primar.

Taxas e Impostos da Casa Própria

Os mais comuns, pois pode variar de cidade para cidade, são os seguintes:

ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis por Ato Oneroso “Inter Vivos”): cobrado pela prefeitura do município no qual o imóvel urbano está localizado, equivalente a 2,5% do bem;

Taxa para escritura do imóvel: cobrada para que o documento oficial possa ser elaborado. O pagamento do valor desta taxa varia conforme o valor venal do bem;

Taxa para registro da escritura do imóvel: paga para que o documento de registro tenha validade jurídica integral. Valor é o mesmo cobrado na elaboração do registro;

Laudêmio da Marinha: cobrado pelo governo federal de imóveis localizados na faixa litorânea, a até 80 metros do mar, sendo que algumas prefeituras exigem o recolhimento do laudêmio municipal.

Por

Comente

*

*